A Concessionária Rota das Bandeiras S.A. assumiu a administração do Corredor Dom Pedro em 3 de abril de 2009, por meio de um contrato de concessão firmado com o Governo do Estado de São Paulo, com validade de 30 anos.

Nesse período, a Concessionária investirá em obras de manutenção, recuperação e modernização dos 297 km da malha viária que compõe o Corredor Dom Pedro, sendo R$ 3,4 bilhões investidos até o final de 2021.

O Corredor Dom Pedro está localizado em um ponto estratégico para o escoamento da produção nacional, garantindo a ligação do Vale do Paraíba com a Região Metropolitana de Campinas (RMC) e o Circuito das Frutas. Engloba 17 cidades de uma das áreas mais desenvolvidas do país, que reúne 2,5 milhões de moradores.

Os municípios que integram a área sob concessão da Rota das Bandeiras são: Artur Nogueira, Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Campinas, Conchal, Cosmópolis, Engenheiro Coelho, Igaratá, Itatiba, Jacareí, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Mogi Guaçu, Nazaré Paulista, Paulínia e Valinhos.

As rodovias que compõem o Corredor Dom Pedro são:

  • Rodovia D. Pedro I (SP-065), do km 0, conexão com a SP-070, ao km 145+500, entre Jacareí e Campinas
  • Anel Viário José Roberto Magalhães Teixeira (SP-083), do km 0 ao km 18+100, entre Campinas e Valinhos
  • Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP-332), do km 110+280 ao km 187+310, entre Campinas e o distrito de Martinho Prado, em Mogi Guaçu
  • Rodovia Engenheiro Constâncio Cintra (SP-360), do km 61+900 ao km 81+220, entre Itatiba e Jundiaí
  • Rodovia Romildo Prado (SP-063), do km 0 ao km 15+700, entre Itatiba e Louveira

Além dessas cinco rodovias, a Rota das Bandeiras também responde pela administração de três vias de ligação. São elas:

  • SPA-122/065: acesso a Valinhos, do km 0 ao km 4+250
  • SPA-067/360: acesso a Jundiaí, do km 0 ao km 2+400
  • SPA-114/332: acesso a Barão Geraldo, do km 0 ao km 0+600
Telefone